Blog

9 nov/2011

A lâmpada de todo dia

Por Time Jequiti

As lâmpadas elétricas incandescentes surgiram no final do século XIX e, desde então, se tornaram a opção mais prática e rápida para iluminar ambientes sem luz natural. Com o passar do tempo, surgiram as lâmpadas fluorescentes, opções bem mais saudáveis para o planeta que as incandescentes.

Um estudo realizado pelo Instituto de Defesa do Consumidor (Idec) revelou que as lâmpadas fluorescentes chegam a ser 79% mais econômicas e produzem 70% menos calor que as incandescentes e, com isso, reduzem a necessidade de uso de ar-condicionado e ventilador. Mesmo assim, a maior parte da população continua usando as lâmpadas incandescentes.

Apesar das fluorescentes serem um pouco mais caras que as incandescentes, elas têm durabilidade maior e pesam bem menos na conta. Bastam 18 segundos para trocar uma lâmpada e garantir um planeta mais saudável por muitos anos.

E você, já trocou as lâmpadas de sua casa?

 

Imagem: reprodução.

6 out/2011

A escolha certa

Por Time Jequiti

Os automóveis são movidos a combustíveis e estes, por sua vez, são responsáveis por poluir o ambiente, afetar a camada de ozônio, piorar o aquecimento global. Tudo isso acaba se refletindo na qualidade da nossa saúde, por isso que tal levar em consideração alguns fatores que agridem o planeta antes de escolher entre gasolina, diesel e álcool?

Dentre as três opções, o diesel é o maior vilão em todo esse contexto. Ele é composto por metais pesados e muito noviços que, além de prejudicarem o meio ambiente, podem ficar acumulados em nosso organismo, provocando dores de cabeça e alergias nas vias aéreas, dentre outras coisas. Além disso, os automóveis movidos a diesel, como ônibus e caminhões, dificilmente são equipados com bom catalisadores, o que reduziria um pouco a emissão.

O álcool e a gasolina também são poluentes, mas por serem melhor catalisados que o diesel, essas substâncias prejudiciais acabam sendo transformadas em outras menos perigosas para nossa saúde e a do nosso planeta.

Então, na hora de escolher, faça e escolha certa por você e pelo planeta!

 

Imagem: reprodução

3 out/2011

Papel Machê

Por Time Jequiti

Reciclagem é uma maneira muito importante para se preservar o meio ambiente.

Todos os ciclos nossos Consultores Jequiti recebem, pelo menos, um exemplar do Colheita Jequiti, um do Villa Jequiti e outro do Semente. Quando esse ciclo acaba, os catálogos acabam perdendo a sua utilidade. Porém, você pode mudar isso e contribuir para um planeta mais limpo.

Que tal pegar suas revistas Jequiti e transformá-las em lindos objetos de decoração feitos de papel machê? Anote a receita da massa e depois deixe a sua imaginação fluir e criar coisas bem interessantes!

Material

½ balde de papel picado
Água
Bacia e balde
Peneira ou escorredor de macarrão
Liquidificador
200g de cola branca
2 ½ colheres de sopa de gesso de secagem lenta
1 colher de sopa de gesso comum
2 colheres de sopa de farinha de trigo
1 tampa de vinagre

Modo de Preparo

Pique o papel e coloque de molho durante um dia ou uma noite para que amoleça. No liquidificador, você coloque três partes de água para uma parte de papel. Bata durante dez segundos e deixe descansar por um minuto e, novamente, bata por mais dez segundos. Com uma peneira, despeje a papa em uma bacia ou balde, espremendo até sair todo o excesso de água. Esfarele o papel e espalhe em uma bacia, misture a cola branca, o vinagre, o gesso de secagem lenta e o gesso comum até virar uma massa homogênea e reserve. Em fogo baixo, cozinhe as duas colheres de sopa de farinha de trigo em dois dedos de água e deixe engrossar até virar um mingau. Junta à massa duas colheres de sopa da cola de farinha de trigo para que não fique partindo. Lembre-se apenas que, caso não vá usar a massa no mesmo dia, você deve conservá-la em um pote na geladeira.

Depois é só deixar sua imaginação fluir. Você pode fazer cestos, móbiles, esculturas, relógios, porta-retratos e por aí vai! O importante é reciclar e preservar.

Fonte: Recicloteca

 

Imagem: reprodução

28 set/2011

Os novos refis da linha Jequiti Eu

Por Time Jequiti

Não é de hoje que a Jequiti se preocupa com o meio ambiente e, por isso, estamos sempre procurando investir em medidas que contribuam para um planeta mais sustentável.

A partir do ciclo 14 você pode encontrar as fragrâncias da linha Jequiti Eu também na versão refil. As Loções Hidratantes Desodorantes Corporais, Colônias Desodorantes Splash e a Calda Hidratante Desodorante Corporal agora tem os seus refis. Você economiza no bolso e contribui com a preservação da natureza e dos recursos naturais do nosso planeta.

Fale com seu Consultor Jequiti e aproveite os preços especiais de lançamento!

 

27 set/2011

Reciclando o óleo de cozinha em casa

Por Time Jequiti

Semana passada falamos aqui no Blog Jequiti sobre o que fazer com o óleo de cozinha usado. Recebemos alguns comentários de pessoas dizendo que faziam sabão a partir do óleo. Por isso hoje vamos dar uma receita supre fácil de como fazer sabão ecológico a partir do óleo de cozinha.

Ingredientes

5 litros de óleo de cozinha usado peneirado
2 litros de água
200 ml de amaciante
1 kg de soda cáustica em escama

Modo de preparo

Coloque a soda cáustica no fundo de um balde cuidadosamente.. Em seguida, com cuidado, despeje a água fervente e mexa lentamente até diluir todas as escamas. Adicione o óleo e mexa novamente. DEpois, acresecente o amaciante e mexa até misturar bem. Ponha a mistura em uma forma e espere secar por, pelo menos, um dia todo e corte-o em barras.

Recomenda-se esperar ainda uma semana para usar o sabão. Também se lembre de usar luvas na hora de manusear os ingredientes, pois a soda cáustica pode causar queimaduras.

O sabão é biodegradável e evita que o óleo chegue aos rios, causando a contaminação da água e impermeabilização do solo.

Faça sua parte para um mundo melhor!

 

Imagem: reprodução

22 set/2011

Pilhas, baterias e os danos ao meio ambiente

Por Time Jequiti

As pilhas alcalinas e baterias possuem inúmeras substâncias que são prejudiciais tanto para nossa saúde, quanto para o planeta. Por isso, quando descartadas junto ao lixo comum elas podem atingir o solo, poluir os lençóis freáticos e contaminar a água, os alimentos e os animais, colocando em risco nossa saúde.

É preciso que todos façam a sua parte para evitar que o nosso meio ambiente seja prejudicado dessa maneira. Procure na sua cidade os postos de recolhimento desse tipo de objeto. Algumas instituições, como operadoras de celular e bancos, fazem o recolhimento de pilhas e baterias descartáveis. Outra alternativa é optar por pilhas e baterias recarregáveis, pois elas possuem vida útil mais longa e acabam tendo o melhor custo benefício.

Informe-se e contribua para um planeta mais saudável!

 

Imagem: reprodução