Blog Jequiti - Erros alimentares que vêm da infância

Blog Jequiti

Voltar

Erros alimentares que vêm da infância

28/05/2012 • Por Time Jequiti

Muitos dos erros alimentares que cometemos em nossa vida adulta começaram lá na infância, quando "limpar o prato de comida" era sinônimo de saúde - ou de ganhar uma sobremesa bem apetitosa após a refeição.

Entretanto, boa parte destes hábitos é negativa e prejudica nosso corpo. Veja quais são esses erros tão comuns e saiba como evitá-los.

Comer demais: forçar-se a comer é um dos piores hábitos alimentares existentes. Cada pessoa tem suas necessidades individuais e ninguém come exatamente nas mesmas proporções ou com a mesma frequência. Opte por porções menores e faça refeições mais equilibradas.

Alimentos certos: nem sempre aquele ditado "tem que comer de tudo" é válido. Se a alimentação for saudável realmente poderemos comer de tudo. Porém, biscoitos, doces e outras guloseimas não precisam fazer parte do cardápio. Prefira alimentos que agregam nutrientes ao seu organismo.

Salada do bem: estimule o paladar de sua família e inclua saladas à dieta. Comece com folhas de gosto suave, como alface, e aos poucos acrescente novos elementos, como agrião ou as folhas amargas da rúcula. Tempere a salada com um molho natural e apetitoso, um pouco de azeite e evite carregar demais no sal.

Industrializados: o ideal seria consumir alimentos congelados e industrializados, que possuem baixo valor nutricional, apenas nos finais de semana ? e com moderação. Se não for possível, consuma estes produtos no almoço, dando mais tempo para a digestão ocorrer.

Carne vermelha: segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o consumo semanal não deve exceder 300g. Substitua a carne vermelha por peixe ou frango, que são extremamente saborosos e nutritivos, além de serem carnes ?magras?.

Sobremesa: um bolo de chocolate certamente é uma delícia, mas as frutas também são uma ótima sobremesa, mais saudável e satisfatória. Se você tem filhos, evite a chantagem do "se não comer tudo, não ganha sobremesa". Este hábito pode forçar a criança a comer mais do que o necessário e irá idealizar a sobremesa como a melhor parte da refeição, menosprezando o sabor dos outros alimentos.

Agora que você já sabe identificar quais são os erros alimentares mais comuns, é só trabalhar gradativamente para eliminá-los da rotina de sua família. Você ficará surpreso com os benefícios dessa nova consciência alimentar para o organismo.

 

Imagem: reprodução.

@jequiti O lançamento do Fábio Jr com a Jequiti é Intenso de todas as formas. Um amadeirado sensual que revela a intensidade… https://t.co/CR2dCNfKLY 20 de July de 2018 - 15:01